Warning: getimagesize(dalaina.jpg) [function.getimagesize]: failed to open stream: No such file or directory in /web/htdocs/www.compagniamissionaria.it/home/class/init.php on line 1702
Logo
COMPAGNIA MISSIONARIA
DEL SACRO CUORE
una vita nel cuore del mondo al servizio del Regno...
Compagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia Missionaria
Jovens em crescimento
Posted by Aspirantes da Companhia Missionária
Testemunhos de três jovens que tem iniciado o percurso de orientamento na Companhia Missionária do Sagrado Coração de Jesus e de algumas em caminho vocacional


Resposta ao chamamento de Deus

Os encontros com Ana Maria foram bons, pois, aprendemos muita coisa na parte espiritual assim como na parte social e cultural.
Falou-nos sobre a História da Igreja, o nascimento da Companhia Missionária, o Ecce Venio e Ecce Ancilla, aprendemos como fazer uma leitura bíblica e procurar encontrar o seu sentido em nossas vidas.
A nossa entrada no período de Orientação (Dalaina, Laina e Natália) é um passo em resposta ao chamamento de Deus; deu-se num dia muito lindo (24 de Janeiro de 2010) no Mosteiro dos Monges na Rex, onde vivem dois irmãos que foram muito acolhedores para connosco, pela sua simplicidade, amor e alegria. Foi um dia muito importante no qual recebemos a bênção de Deus e dos dons que o Senhor nos oferece.
A presença da Rosa, Ana Rita e Dolvina, foi positiva, pois cada uma delas demonstrou a sua simplicidade e o seu amor na presença de todos.
As missas celebradas com Dom Hélio e padre Ricardo foram muito interessantes, quanto à maneira de pregação; suscitaram em mim o sentido de ser fermento e sal da terra. Também o que me marcou nestes dias foi a disponibilidade e a simplicidade que o Senhor nos chama a viver no mundo onde nos encontramos e o sentido da história da Igreja ontem e hoje.
Os sonhos que desencadeiam em mim são a disponibilidade em dar resposta ao chamamento de Deus em todos os dias da minha vida.
Gostaria de viver o ano, tendo em conta que somos uma família, onde vivemos juntas no amor fraterno, na escuta da palavra de Deus, na partilha e no respeito mútuo, sentir que faço parte da família CM amando Deus e os irmãos.
Todos nós, grupos da C.M. podemos realizar isso seguindo algumas virtudes que são:
gratuidade; profissionalidade; sobriedade; disponibilidade; solidariedade; comunhão; oblação e simplicidade.
Todos os dons que recebemos devemos viver no amor humano, com boa educação e sermos fiéis ao projecto que Deus traçou para cada uma de nós.

Dalaina



Ir ao encontro das pessoas

Para mim, vivemos bons acontecimentos em Nampula, ao longo dos dias de retiro; o que mais me tocou no coração é o Ecce venio e o Ecce Ancilla que significa eis-me aqui, Senhor faça se em mim segundo a tua vontade.
C.M. é um instituto secular de vida consagrada ao serviço dos irmãos.
O ser leigas significa ir ao encontro das pessoas e ensinar-lhes a palavra de Deus.
Quanto à cerimónia da Orientação gostei muito, senti que Deus enviou-nos a graça do seu Espírito Santo, deu força e alegria.
Fiquei muito contente com a presença da Rosa e Ana Rita porque elas nos transmitem muita alegria em saber que o reino de Deus é grande, elas trabalham muito e com muita alegria e de boa vontade.
As missas celebradas por Dom Hélio e padre Ricardo foram muito bonitas e agradáveis a toda gente.
O que me marcou nestes dias de retiro foi a intenção dos encontros e também a disponibilidade e simplicidade.
Os sonhos que desencadeou em mim foram a fidelidade, o amor e a sinceridade.
Penso em viver o ano tendo em conta o que vivemos juntas em colaboração e responsabilidade.
Sentir-me parte da família da C.M. que incluía contemplação do Sagrado Coração de Jesus, no amor e alegria de viver os dons recebidos em todos os dias da nossa vida.

Láina



Abertura à vontade de Deus

Os encontros que tivemos com Ana Mari
a foram agradáveis, esperando que me ajudem a viver no amor, paciência, respeito e abertura à vontade de Deus.
A nossa entrada no período de Orientação, para mim foi uma opção pessoal, abrir o coração ao chamamento de Cristo mais de perto.
A presença da Rosa, Ana Rita e Dolvina, nos deu mais esperança de que são as sementes lançadas à terra com esperança de germinar e dar fruto abundante.
As missas celebradas por Dom Hélio e padre Ricardo, foram para mim motivo de reflectir sobre a minha caminhada.
Nestes dias o que mais me marcou é a disponibilidade de Jesus e Maria ao dar o Ecce venio e o Ecce ancilla.
Os sonhos que desencadeiam em mim são: Sinceridade, fidelidade e o amor a Cristo e aos irmãos.
Penso em viver este ano na responsabilidade e colaboração com todos os membros da nossa comunidade.
Gostaria de sentir-me parte da família C.M. na comunhão fraterna e no amor ao serviço dos irmãos, com sorriso e simplicidade, tendo em conta que os dons que recebemos nos dão força e luz em todos os dias da nossa vida.

Natália



Deixar-se guiar pelo Espírito Santo

O que suscitou sentimentos em meu coração é a modalidade de vida da Companhia Missionária, a reparação ao Sagrado Coração de Jesus, o compromisso activo de pertença à vida consagrada; na caridade, no espírito, no pensamento, assim como nas obras, deixar-se guiar pelo Espírito Santo, dizendo, faça-se em mim segundo a vossa vontade.
O que mais me marcou nos dias em que realizamos o retiro para a entrada no período de Orientação das manas, Daláina, Láina e Natália é o facto de ter aprendido como viver a vida consagrada, entregar-se nas mãos de Deus sem pensar em outras coisas, isto é, não servir a dois caminhos mais a um único Deus, crescer na graça de Deus e sentir que faço parte da família C.M. Viver o sentido da consagração a qual pretendo realizar, confiando nas graças e nos dons recebidos, para poder alcançar os meus sonhos.

Rosa



O que será de mim no futuro

O encontro com Ana Maria me fez conhecer o que eu quero e procuro, o que pretendo e o que será de mim no futuro.
O que me marcou mais nestes dias foi quando falamos que como a folha não pode ter vida se desligada da planta, também a nossa vida tem de ser continuamente ligada a Jesus imitando também as suas atitudes.
O sonho que desencadeou em mim é que, se o Espírito me ajudar eu continuarei a ser honesta, para o ano serei eu a entrar no período de Orientação e poderei ser fermento em todas as realidades terrenas.
O lugar onde vivemos tudo isto, o mosteiro masculino foi muito bonito. Nos levantávamos ao canto do galo e gostaria que os nossos encontros fossem sempre lá. Penso viver o ano com honestidade e coerência com a Ana Maria falou, isto é manifestando o amor e na união e na obediência vamos sentir que somos família da CM; e tendo em conta os dons que recebemos havemos de viver uma vida organizada e ter a vida espiritual bem dividida em tempos e momentos.

Ana Rita
Condividi l'articolo su:
Logo
COMPAGNIA MISSIONARIA DEL SACRO CUORE
Via A. Guidotti 53, 40134 - Bologna - Italia - Telefono: +39 051 64 46 472

Follow us on Facebook