Warning: getimagesize(donne al sepolcro, duccio di boninsegna.jpg) [function.getimagesize]: failed to open stream: No such file or directory in /web/htdocs/www.compagniamissionaria.it/home/class/init.php on line 1702
Logo
COMPAGNIA MISSIONARIA
DEL SACRO CUORE
una vita nel cuore del mondo al servizio del Regno...
Compagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia MissionariaCompagnia Missionaria
Páscoa,fonte de alegria
Posted by Anna Maria Berta






As mulheres ao sepulcro, DUCCIO DI BONINSEGNA







Caríssimas/os:
Eis-nos quase a chegar ao dia de Páscoa, dia que tem sempre um sabor de festa, de alegria. E um cântico de Páscoa italiano exprime muito bem esta alegria: “Que alegria nos deu...Ver-te ressuscitado, / ver-te, Senhor, / o coração está para enlouquecer!/ Tu voltaste, / Tu estás aqui entre nós:/ e agora ter-te-emos para sempre...!” As mulheres que foram ao sepulcro, no dia depois do sábado, viveram não só o espanto e a perturbação, mas também uma alegria irreprimível.
As mulheres do Evangelho, estão presentes de maneira única no acontecimento da morte e da ressurreição do Senhor. Com elas, também nós queremos viver este mistério. As mulheres unem-se a Maria e a João e sobem ao Calvário, vivem até ao fundo a tortura da morte e vêem onde se encontra o sepulcro no qual depuseram aquele corpo, arrebatado com pressa aos seus cuidados devido à festa que estava para iniciar.
São elas, as mulheres, que no sábado preparam os óleos, e ainda elas que, de manhãzinha, no dia depois do sábado se dirigem ao sepulcro, e a estas mulheres o Anjo diz: “...porque buscais entre os mortos Aquele que vive?Não está aqui; ressuscitou!” E ainda a elas é confiado o anúncio que o Senhor está Vivo.
Este pequeno grupo de mulheres sugere-nos alguns motivos que nos podem ajudar a viver a Páscoa. Antes de mais a coragem de subir com Jesus até ao Calvário, uma coragem que se transforma em solidariedade com a dor. Não fogem, mas permanecem ali até ao fim, não fecham os olhos...mas acompanham o seu Senhor até à sepultura. Quantos calvários ainda hoje devemos subir, quantas situações de dor e de injustiça estão ainda hoje presentes entre nós...e, muitas vezes, não passam de notícias lidas à pressa no jornal...e logo a seguir esquecidas.
As mulheres, diante da pedra removida e ao anúncio do Anjo, encheram-se de admiração. É importante não perder a capacidade de nos maravilharmos diante dos acontecimentos, uma maravilha que nos ajuda a olhar o novo que nos é oferecido; deixemos que a admiração acompanhe o nosso caminho e não consideremos tudo como previsível. As mulheres depois da admiração vivem a fé, acreditam que Ele está vivo e anunciam-no. O anúncio implica um grande desafio, não se acredita nas mulheres, mas estas continuam o seu testemunho. O ressuscitado aparecerá a confirmar este anúncio.
Hoje, a nós, o desafio de anunciar o Evangelho e de dizer com alegria irreprimível: Ele está vivo! Sim, neste mundo que parece surdo e no qual nada causa maravilha, que tem uma explicação para tudo mas que não é capaz de responder ao desejo de felicidade que existe em cada um de nós. Para poder anunciar Aquele que está Vivo, que é fonte de alegria, precisamos de perseverar na fé que n’Ele temos e de não nos cansarmos de fazer da nossa vida um testemunho vivo de Jesus Ressuscitado; também não nos devemos cansar de subir com os irmãos e as irmãs os muitos calvários que ainda hoje é necessário subir.
Desejo a todas/os uma Páscoa Feliz; o Senhor Ressuscitado seja para todos nós fonte de alegria.
Em comunhão





A Páscoa vença o nosso pecado, despedace os nossos medos e nos faça ver as tristezas, as doenças, as injúrias e até mesmo a morte, da vertente justa: a do “terceiro dia”.
Desta vertente, o lugar do crânio aparecer-nos-á como o Tabor. As cruzes parecer-nos-ão antenas, colocadas ali para nos fazer ouvir a música do Céu. Os sofrimentos do mundo não serão para nós estertor da agonia, mas trabalho de parto.
E os estigmas deixados pelos cravos nas nossas mãos crucificadas, serão aberturas através das quais conseguiremos ver desde agora as luzes de um mundo novo! FELIZ PÁSCOA!

(D. Tonino Bello)
Condividi l'articolo su:
Logo
COMPAGNIA MISSIONARIA DEL SACRO CUORE
Via A. Guidotti 53, 40134 - Bologna - Italia - Telefono: +39 051 64 46 472

Follow us on Facebook